20 de setembro de 2012

A vida está cheia de surpresas! Parece mesmo que estamos diariamente numa montanha russa, onde depois de uma subida estrondosa, nos deparámos com uma descida arrebatadora! E são estes altos e baixos, que nos ajudam a perceber melhor tudo aquilo que nos rodeia, que nos ensinam como lidar com acontecimentos e pessoas!
Mas o melhor é saber que existem pessoas que estão sempre lá, quer nas subidas, quer nas descidas...
ah pois é! E já que vamos a descer, mais vale tentar levantar os braços!

8 comentários:

Pedro Luis López Pérez disse...

Si, es cierto; nuestra Vida es como esa Montaña Rusa, llena de subida y bajadas, pero siempre acompañados con personas que gritan a nuestro alrededor sacando la adrenalina.
Un abrazo.

Luís Coelho disse...

A vida é mesmo assim.
Altos e baixos, dias bons e dias maus. Enfim ...tanta coisa nos espera.

Debby disse...

Oi Angela
Nossa estou passando por um momento assim.
E é justamente nesses alto e baixos que percebo as sutilezas das lições que cada ato, gesto ou palavra trazem até mim.
Gostei do seu post.
E como diria uma canção por ai:
"Fé na vida, fé no homem, fé no que virá. Nós podemos tudo, e podemos mais !!!!"

bjs
Debby :)

Élys disse...

A vida é assim, mesmo, com altos e baixos mas é bom saber que tem sempre pessoas que estão sempre conosco, em qualquer situação.
Um grande abraço.

Dilmar Gomes disse...

Pois, pois, amiga Angela. um Abraço.

Lílian Almeida disse...

rrsss, é verdade, já que é pra descer que seja de braços erguidos!

BEIJO E UM LINDO FIM DE SEMANA !

Blog:”Duas Moças Prendadas!”

Bia Hain disse...

Que lindo, uma relação que dura há tanto tempo...parabéns aos dois. Um abraço!

Bia Hain disse...

Que lindo, uma relação que dura há tanto tempo...parabéns aos dois. Um abraço!

Seguidores

Quem sou eu

Quem sou eu
Gosto da beira do abismo, sento, e o vejo mais próximo, quando o sinto distante, corro para ele a passos largos, demonstrando assim minha insanidade muitas vezes. Se não o faço, sinto me morta por dentro, a espera da maneira que minha alma sobrevive, na pulsação mais forte que um coração possa suportar. Não sei viver se não for na intensidade da pele, no suor da vida. Não pertenço ao grupo dos que calam por tudo, não definitivamente não pertenço, sou o recomeço sempre, sou dor aguda, felicidade extrema, sou suor, lágrimas fáceis, sou mulher com alma. Angela Manzotti

Clubinho

OMundoDeCaliope

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CocoPPa

CocoPPa
Para Apps baixe no se android

No seu android

No seu android

Postagens populares

Contato

Contato
blogandoporai@yahoo.com.br

Participando

Verdades

Verdades
Como culpar o vento pela desordem feita se fui eu que esqueci a janela aberta?

Tempo

Tempo
"Moça tola, para de desperdiçar flores, brincando e sentido as dores, do bem me quer ou mal me quer. As ações dele já te responderam, você só não compreendeu, porque finge ser incapaz, toma uma dose de amor próprio, e deixa o jardim em paz."

Assim

Assim
“Fui abençoada com um coração meiguíssimo e em contrapartida com um pavio bem curto. Exatamente igual a um vidro: se me jogar no chão, eu quebro... mas se me pisar, te corto”

Saudade

Saudade
"E liga de madrugada, escuta aquela voz, coração dispara e você não fala nada. Sim. Sintomas de saudade.

Verdade...

Verdade...

Total de visualizações de página

Minha lista de blogs

Tecnologia do Blogger.